quarta-feira, 20 de agosto de 2014

O Eneagrama - As Tríades (II)

Para se iniciar no estudo do Eneagrama a auto-observação é fator primordial. 
(se você não leu o primeiro post, segue o link: "O Eneagrama - Início (I)".

Obviamente, isso é importante porque precisamos descobrir aquilo que é dominante em nós. A partir desse descobrimento, será possível separar os pensamentos, emoções e atitudes que são coerentes com nosso perfil dominante, daqueles que são apenas fruto de nossa educação na infância, da cultura em que vivemos e das relações que estabelecemos. Esse conjunto de fatores constroem nossa visão do mundo e de nós mesmos. São eles que nos fazem reagir ao ambiente para sobreviver a ele.


O Eneagrama apresenta 9 tipos de personalidades, as quais podemos chamar de 9 formas de pensar, de sentir e de agir. Dentre esses tipos cada um de nós encontrará um perfil com o qual sentirá uma identificação mais forte. Provavelmente, será esse tipo que estará mais próximo daquilo que nos define. 

E esse é o ponto de partida.


Mas e daí?

Ao reconhecer no Eneagrama nosso tipo (também chamado eneatipo), tomamos consciência das condições para o desbloqueio e recuperação de nossas qualidades que estavam escondidas.

Segundo Claudio Naranjo, um dos principais estudiosos e divulgadores do Eneagrama, conhecê-lo nos serve para:

  • conhecermos melhor e tomar consciência dos aspectos que nos passam despercebidos mas que são evidentes aos olhos dos outros;
  • compreender até onde pode ir nosso desenvolvimento pessoal e profissional;
  • tomar decisões de acordo com nossa maneira de ser e não nos submetermos a pressões inúteis e desnecessárias;
  • compreender os pontos fortes e fracos dos demais e nos adequarmos as suas características, de modo que possam se sentir confortáveis, ao invés da defensiva quando se relacionam conosco;
  • saber de que modo nossa personalidade impede o encontro com nossa própria essência.
Mas como saberemos identificar corretamente nosso tipo dentre os 9?
A maioria das pessoas diz que quando descobre o seu tipo saberá no mesmo momento. Isto porque (é provável) que você sinta imediatamente uma sensação de identificação. É como encontrar algo que diga claramente as coisas que você sempre soube subconscientemente. Quando essas coisas acontecem, pode ter certeza que você corretamente identificou o seu eneatipo.

Para começar a explicar o funcionamento do Eneagrama, é importante conhecermos 3 forças que influenciam amplamente os eneatipos (tipos de personalidade). São elas:


  • as Forças Mentais
  • as Forças Emocionais
  • as Forças Instintivas


As 3 Forças Mentoras no Eneagrama

Pelo desenho do Eneagrama podemos observar onde elas atuam de forma mais contundente:
  • Mentais: eneatipos 5, 6 e 7
  • Emocionais: eneatipos 2, 3 e 4
  • Instintivas: eneatipos 8, 9 e 1

De forma resumida, isso significa que:
  • Os eneatipos Mentais são aqueles que, basicamente, usam a razão como mentor de suas vidas. São pessoas planejadoras, dedicam mais tempo em conhecer e calcular consequências do que a executá-las. 
  • Os eneatipos Emocionais são aqueles que, basicamente, têm as emoções como mentor de suas vidas. São pessoas sociáveis, comunicativas que criam relações com facilidade com o fim de serem notados, apreciados, admirados.
  • Os eneatipos Instintivos são aqueles que, basicamente, usam a ação como mentor de suas vidas. São pessoas determinadas, protetoras, não se deixam controlar facilmente e tendem mais a mandar do que a obedecer.
É claro que todos temos dentro de nós as 3 forças, mas a ideia aqui é entendermos que cada um está condicionado por uma delas em maior medida. 

No próximo post vou especificar as características de cada eneatipo. Ressalto que o objetivo principal é de apresentar, em linhas gerais e de forma bem tranquila, o que é o Eneagrama e qual a sua importância, para quem nunca teve qualquer proximidade com o assunto - se você não leu o primeiro post, segue o link: "O Eneagrama - Início (I)".


by Dalton Cortucci



Se prefere em vídeo, assista e me dê um feedback. Obrigado!





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...